Simplesmente eu

Porque escolhi design de interiores?

Oláá!

Recentemente me formei em design de interiores e resolvi falar um pouco sobre isso para vocês.

A pergunta mais feita para quem escolheu essa profissão é a “O que faz um designer de interiores?”

Não, não somos decoradores e não, não escolhemos esse curso porque não podemos pagar o curso de arquitetura e sim, se você escolheu essa profissão ouvirá muito isso.

Enfim, designer de interiores são os responsáveis por um projeto de interiores. Sim, somos os chefes!

Nós somos responsáveis por projetar ambientes esteticamente desejáveis e ao mesmo tempo funcional ao nosso cliente.

Uma coisa importante de você procurar saber é que existem dois tipos de curso superior de design de interiores: o bacharelado de 4 anos e o tecnólogo de 2 anos.

Escolher uma profissão não é nada fácil e tudo bem se você não tem certeza sobre isso. Se você está pensando em design de interiores como opção, vou te mostrar 3 indícios que me ajudaram a escolher a minha.

Vamos lá.

Você gosta de desenhar?

Design = projeto / desenho

Você pode estar rindo lendo isso, óbvio de que design é desenho e que em um curso de design de interiores vai haver muitas matérias de desenhos, porém eu fui um caso a parte, no meu primeiro dia de aula tive que desenhar uma cadeira colocada em cima da mesa pelo professor, nem preciso dizer que sai querendo trancar o curso no primeiro dia.

Calma, não se assustem! Eu não tranquei e continuei tentando, nunca fui boa em desenho mas digamos que aprendi algumas coisas durante os 2 anos de faculdade e a melhor parte é que atualmente dificilmente você vai ter que fazer um projeto a mão, pois já existe softwares em 2D e 3D pra dá aquela forcinha na hora dos trabalhos.

 

Você costuma otimizar os ambientes da sua casa?

Você costuma mudar tudo na sua casa, trabalho e até em casa de amigos? Sempre busca um ambiente mais funcional para você e seus familiares? Pode parecer algo muito simples mas requer muito aprendizado e tem tudo a ver com o curso de design de interiores.

Você acha importante cores e suas combinações?

No curso, esse é um dos passos principais e você aprende a ter um olhar diferente para todas as coisas a partir dai.

Você se interessa por arquitetura, paisagismo, iluminação?

Assim como um olhar sensível às cores e à combinação harmoniosa de objetos diferentes, existe também aquele olhar macro, referente à perspectiva, ao design puro, que enxerga o ambiente ou instalação como um todo: não apenas uma obra artística, mas também um ambiente usual que funciona.

 

Existem vários outros motivos para você ingressar nesse curso, mas para mim os mais importantes
são esses 4 foram eles que fizeram eu escolher esse curso.

DICA : Pesquisem muito antes de se matricular, não que você não possa trancar daqui a 2 meses, porque sim, se você não gostar do curso ou da faculdade, você não só pode como deve trocar pois é o seu futuro que está em jogo ali, mas muitas vezes você vai empurrando com a barriga e quando vê já não dá mais pra sair. Por isso, pesquisem, vá em palestras, vá em faculdades, conversem com quem já fez o curso, com quem trabalha com isso. É muito importante!

Espero ter ajudado, ainda vão ter vários posts sobre a faculdade, trabalhos e tudo mais, só continuar me seguindo aqui e deixa aqui nos comentários se você também é designer ou como você escolheu sua profissão.

 

 

 

Comentar

Clique aqui para comentar

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Siga Nath por aí

Follow

Sobre mim

Siga Nath

Vamos lá, sou a Nath (meio obvio né rs), tenho 26 anos, casadíssima, adoro viajar, sou formada em design de interiores e nesse blog vou fazer o que faço de melhor: escrever! Vem comigo! #siganath

Booking.com